terça-feira, 15 de julho de 2008

Líderes evangélicos lamentam saída do pastor Gomes de Parnaíba

Membros das diretorias da União Evangélica Interdenominacional de Parnaíba – UEIP, e do Conselho Interdenominacional de Ministros Evangélicos de Parnaíba – CIMEP (foto), lamentaram profundamente a saída do pastor Gomes Silva da cidade de Parnaíba. Foi durante reunião realizada na noite desta segunda-feira (14/07), na Igreja Deus Semeador, que é dirigida pelo pastor Marcos, atual presidente da UEIP.

O pastor Gomes Silva está atualmente dirigindo a Igreja Batista Independente em Parnaíba, mas decidiu entregar a direção desta depois de um período de um ano de muitas lutas. Lutas que não teriam acontecido se o bom senso de muitos tivesse sido colocado em prática e as injustiças não fizessem parte da vida de alguns homens e mulheres que se dizem de Deus.

Durante a sua fala, o pastor Gomes Silva não expôs os motivos pelos quais decidiu deixar Parnaíba. Contudo, as causas já eram do conhecimento de alguns líderes que ali se faziam presentes. O paraibano de Picuí apenas agradeceu o apoio e a amizade que conquistou dos pastores locais.

- Comunico, amados irmãos, que estou deixando a cidade de Parnaíba. E quero agradecer a todos vocês pela amizade, pelo carinho de todos vocês. Foi muito bom passar um ano com vocês. E levo comigo o respeito de todos vocês. Saibam, também, que gostei muito de Parnaíba, que foi mais uma escola na minha vida ministerial -, concluiu.

Em seguida, mesmo sem estar em pauta, vários líderes se pronunciaram a respeito da decisão do pastor Gomes Silva:

Para o pastor Sampaio, da CPP – Comunidade Prece Poderosa, e secretário da UEIP/CIMEP, “o pastor Gomes Silva é um herói, pois, conseguiu permanecer um ano enfrentando situações que eu espero nunca ter que enfrentar”. Em seguida afirmou:

- Pastor Gomes, que esta sua decisão seja abençoada por Deus -, concluiu.
O presidente do Conselho de Ética, da CIMEP, pastor Matusalém, da Igreja Cristã Evangélica, fez uma declaração que surpreendeu a todos os presentes:

- Se tem alguma pessoa pra ser censurada por este Conselho essa pessoa não é o pastor Gomes -, disse.

O pastor Janaka afirmou que foi muita coragem do pastor Gomes Silva sair de Campina Grande-PB, cidade cujo potencial ele conhece muito bem, tirando familiares de seus empregos, para vir para Parnaíba, (numa distância de mais de 1.200 quilômetros). E acrescentou:

- Lamentamos a sua saída de Parnaíba, pois és um homem com um potencial muito grande e que poderia muito nos ajudar. Contudo, vá em paz para Campina Grande, mas levando a nossa amizade e a nossa admiração pela sua pessoa -, concluiu.

Ao final da reunião, que terminou depois das 22 horas, os pastores que ainda se faziam presentes oraram abençoando o pastor Gomes e a sua família bem como o seu retorno à Paraíba.
Um fato interessante foi citado pelo pastor Gomes. É que, quando foi para vir de Campina Grande para Parnaíba os pastores associados à Ordem dos Ministros Evangélicos do Brasil – OMEB, Conselho Estadual da Paraíba, da qual ele era Diretor de Comunicação, abençoaram sua viagem. Agora, às véspera do seu retorno, acontece a mesma coisa com os pastores ligados à UEIP e ao CIMEP o que é uma benção de Deus.

O pastor Jean, da Igreja Evangélica Pentecostal O Brasil para Cristo, já havia estado na residência do pastor Gomes Silva, acompanhado de membros de “sua” igreja, lamentando a sua decisão.

- A gente fica triste porque sabemos quem é o pastor Gomes; do seu potencial, do que poderia fazer pela cidade de Parnaíba e o Reino de Deus com o seu conhecimento bíblico-teológico e noutras áreas do conhecimento humano.

Quem é o pastor Gomes Silva?

Para quem não o conhece ele é jornalista profissional, formado pela Universidade Estadual da Paraíba, onde também fez Especialização em Comunicação Educacional; tem curso de Psicologia Educacional pela Universidade Federal da Paraíba – UFPB, Curso de Web Design pelo Senai e pela Falp-PB; trabalhou em diversas emissoras de Rádio da Paraíba; foi editor-chefe dos jornais: A Palavra e Tribuna do Sabugi; e editor de Esportes do jornal Associado Diário da Borborema e do Jornal da Paraíba. Foi correspondente dos jornais O Norte, A União e O Momento.

Atualmente o pastor Gomes Silva edita o jornal evangélico Consciência Cristã em Foco, de responsabilidade da Visão Nacional Para a Consciência Cristã – VINACC, todos no Estado da Paraíba, além de ter trabalhado por muito tempo como correspondente da Rádio Currais Novos, de Currais Novos-RN.